Estreia do espetáculo O Mundo de Hundertwasser no Espaço Parlapatões

by admin |15 de maio de 2019 | Agende-se

Raul Barretto e Helena Cerello reestreiam ‘O MUNDO DE HUNDERTWASSER’ espetáculo de Circo e Teatro para toda a família no Espaço Parlapatões.
De 18 de maio a 30 de junho, com apresentações de sábado e domingo às 16h.

Elogiado pela crítica, O Mundo de Hundertwasser conta a história de Branca, uma menina tecnológica que não sabe usar as cores e só se relaciona com aparelhos modernos, até que tem a sua rotina alterada quando um artista surge, convidando-a a olhar o mundo através de telas e janelas vivas.

‘O Mundo de Hundertwasser’. da companhia VA DA BORDO, reestreia no dia 18 de maio, às 16h, no Espaço Parlapatões. Com direção de Alvaro Assad e criação/atuação de Raul Barretto e Helena Cerello, o espetáculo tem como inspiração a vida e a obra do artista austríaco Hundertwasser, e sua relação com a arte, a arquitetura e a ecologia.

O espetáculo obteve ótimo retorno de crítica e público, tendo sido indicado para o APCA na categoria Grande Prêmio da Crítica, por levar ao teatro a obra do artista plástico Friedenreich Hundertwasser. E ao Prêmio Aplauso Brasil na categoria ‘Melhor espetáculo para público jovem e infantil’.

 

O ESPETÁCULO

O Mundo de Hundertwasser é um espetáculo de circo e teatro voltado para toda a família, inspirado na obra do artista austríaco. Com concepção de Raul Barretto e Helena Cerello, responsáveis também pelas atuações, a peça tem direção de Alvaro Assad, renomado diretor teatral e parceiro da dupla nessa criação.

Em O Mundo de Hundertwasser, a pequena Branca, uma menina que nunca teve contato com cores de verdade e só se relaciona com as telas e as janelas por meio de seu computador, tem um encontro com o artista, que apresenta a ela um mundo cheio de cor e vida, proporcionado pela arte e a natureza.

A música do espetáculo é originalmente composta por Marcelo Pellegrini. Um cenário dinâmico, com projeções criadas pelo renomado Coletivo Bijari, que retratam as obras do artista, se funde a uma linguagem artística variada, oriunda do circo contemporâneo e da arte da palhaçaria, como mímica, malabares, mágica e número aéreo.

Nesse contexto, que une inspiração e arte, o espetáculo gera uma reflexão sobre o tempo em que vivemos e sobre como nos relacionamos com nosso eu no mundo, no sentido mais amplo desse conceito, tendo como pilar as “Cinco Peles” definidas e estudadas por Hundertwasser: nosso corpo, nossa roupa, nosso lar, nossa sociedade e nosso planeta.

 

QUEM FOI HUNDERTWASSER?

Hundertwasser (1928-2000) foi um pintor, artista gráfico, poeta, arquiteto e defensor do meio ambiente que nasceu em Viena, na Áustria e viajou por muitos países, pintando e criando um mundo colorido, com muitas curvas e integrado à natureza.

Durante toda sua vida sonhou e concebeu um mundo – através de seus quadros, poesias, manifestos e projetos arquitetônicos – onde o ser humano e a natureza viviam em harmonia. Dizia que “o homem deveria devolver à natureza tudo que tirou dela”, portanto, se para construir uma casa, árvores foram cortadas, o mínimo que o homem poderia fazer seria replantar esse verde nos telhados e ter dentro de suas casas árvores inquilinas.

Em suas obras, o artista valorizava as curvas e espirais, pois tinha aversão à linha reta, por conta de sua monotonia. Além disso, uma de suas principais teorias é a das “Cinco Peles”, que seriam: a primeira pele, a nossa própria pele; a segunda pele, as nossas roupas; a terceira pele, a nossa casa; a quarta pele, nosso meio social, nossa cidade; e a quinta pele, nosso planeta.

Nesse contexto, cada homem deveria ter o direito de ter a sua pele respeitada pela sua cor e sua história; o direito de se vestir de acordo com sua vontade; o direito de ter a sua própria janela; o direito de poder interferir com criatividade na cidade; e de viver em um mundo onde a natureza e o belo são preservados.


FICHA TÉCNICA

Livremente inspirado nas obras de Friedensreich Hundertwasser

Agradecimento especial: joram harel_the hundertwasser non profit foundation]
Concepção: Raul Barretto e Helena Cerello
Direção, roteiro de pantomimas e preparação de mímica: Alvaro Assad
Roteiro original: Helena Cerello
Elenco:  Raul Barretto  Helena Cerello
Animações: Coletivo Bijari
Música original e direção musical:  Marcelo Pellegrini
Desenho de luz:  Alvaro Assad
Pesquisa de mágicas: Ricardo Malerbi
Confecção de mágicas e adereços: Victor Merseguel
Cenário e figurinos: Helena Cerello
Visagismo: Cleber de Oliveira
Técnica de luz: Amarilis Irani
Técnico de som e vídeos: Rodrigo Bella Dona
Consultoria e montagem de número aéreo: Kiko Caldas e Bruno Rudolf
Preparação de circo: Erica Stoppel, Patricia Rizzi e Bruno Rudolf
Engenheiro responsável ART  Sérgio Costa
Fotos: João Caldas F° e Georgia Branco
Costureira: Benê

Assistente de produção: Janayna Oliveira
Coordenação de produção e realização: Helena Cerello Cia Va Da Bordo

 

O MUNDO DE HUNDERTWASSER
De 18 de maio a 30 de junho
Sábados e domingos, às 16h
Ingressos: R$ 30,00 (Ingresso) R$ 15,00 (Meia)
Classificação: Livre
Duração: 60 minutos

ESPAÇO PARLAPATÕES

Praça Franklin Roosevelt, 158, Centro, São Paulo.
Informações: (11) 3258 4449
www.parlapatoes.com.br
Venda Online: Ingresso Independente
www.ingressoindependente.com.br

Share this post:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *