Nóis otários[s]

É uma obra/dramaturgia de narrativa anárquica que discute a corrupção do Brasil por meio de hipérboles e situações cômicas insólitas. A obra narra a vida de Luiz Carlos, o maior otário da história, que se vê envolvido num grande imbróglio, que envolve o importante senador Laudemar do Espírito Santo. Por causa das confusões feitas entre o assessor do senador, um agente federal e o presidente de uma ONG, Luiz Carlos acaba se tornando responsável pela instalação de uma CPI.

VALOR: R$ 20,00